quarta-feira, 23 de junho de 2010

Regresso

Olá a todos, aqui estou eu, lembram-se de mim? Se não se lembram a culpa é provavelmente minha, afinal tenho estado bastante ausente. Mas não pensem que me esqueci do blog, muito pelo contrário. Mas sabem como é, às vezes o tempo não dá para tudo o que queremos... No meu caso, o tempo tem ido todo (ou quase todo) para os exames, que nesta altura afligem toda a gente (e a uns mais que a outros). E pronto, como sou um rapaz responsável (...ok, até sou...) tive de organizar as minhas prioridades.

E agora, não é que os exames já tenham acabado, mas o pior já passou e assim que arranjei um tempinho decidi dar sinais de vida...

Ok, aqui vai a grande notícia: eu sei que apenas aflorei o assunto no meu último post, mas agora vou falar dele com mais cuidado. Os exames não foram o único motivo pelo qual não tenho vindo ao blog; a verdade é que tenho andado... distraído...

Já expliquei no post anterior que conheci uma pessoa. O que muitos de vocês não sabem é que até conhecem essa pessoa. Sim, é verdade, esse rapaz misterioso que me "deu a volta à cabeça" (detesto a expressão e foi a primeira que ocorreu, estranho, não é?) também tem um blog, um blog que está mesmo aqui ao lado... E estou a falar do (alguém me dá um rufo de tambor para ver se isto fica com mais suspense?)... Ricardo, do blog Uma Outra Face... =P

Por acaso foi precisamente graças ao blog que eu o conheci; esbarrei no blog dele por mero acaso, e isso deu origem a uma sucessão de acontecimentos que eu até podia dizer que foram obra do destino, se acreditasse nele... O que sei é que três meses depois de o ter conhecido a nossa relação está a tomar forma: eu estou completamente apaixonado por ele (que coisa foleira para se dizer...) e ele está completamente apaixonado por mim (podem confirmar com ele xD).

Ainda falta fazer muita coisa e ainda temos um caminho grande a percorrer, mas suspeito que não teremos problemas a percorrê-lo. E, claro, tenho a certeza que muito haverá ainda para contar sobre este assunto (espero que sejam só coisas boas, claro...).

Fico por aqui agora, desejem-me (aliás, desejem-nos) sorte e assim que puder eu volto com novidades (e agora vou voltar ao estudo...).

F.

4 comentários:

  1. era já de esperar isso, eheh, eu não sou parvo ! :D

    Muitas felicidades e que seja eterno enquanto dure :')

    ResponderEliminar
  2. Muito obrigado, eu espero o mesmo! =)

    ResponderEliminar
  3. Fico muito contente por ver que os dois gostam muito um do outro. E o vosso caso foi apenas um exemplo prático para me mostrar que realmente eu fui muito parvo em não ver os sinais. Namorei com um rapaz que tambem tinha blog, todos viram nos meus posts a forma como ele era importante para mim, mas a forma que ele teve de "demonstrar" o que sentia por mim foi não falar de mim no blog e ainda teve o "descaramento" de me pedir que não falasse dele no blog. Grande amor da parte dele não foi? Apenas lamento que eu não tenha sido capaz de ver os sinais, pois ele não estava sequer disposto a fazer algo tão simples como me mencionar no seu blog. Pode parecer uma coisa parva ou capricho da minha parte, mas tu e o ricardo falam um do outro no blog, portanto é algo normal e eu tinha o direito de perguntar porque é que ele (meu ex) nao falava de mim no blog.
    Enfim, o amor é cego e eu não deveria ter prolongado desta forma a minha ilusão. Ele nunca fez nada por mim.
    Uma vez mais, fico muito contente por ver que gostam um do outro :).
    P.S: Desculpa o desabafo (talvez demasiado) sincero.
    Abraço ;)

    ResponderEliminar
  4. Não iria ao ponto de dizer um cliché tão grande como "o amor é cego", mas diria que "o amor é muito pouco perspicaz" xD. Enfim, o importante é aprender com as experiências, boas e más.

    Obrigado pelo comentário,
    Abraço

    ResponderEliminar